Visão sistêmica: o que é e por que é importante?

Especialmente depois de ler o nosso post sobre como montar uma loja de roupas, você sabe o quanto um pensamento estratégico é essencial para o sucesso desse projeto, não é? Pois saiba que existe uma vertente estratégica que pode transformar o seu negócio! Adquirir e aplicar uma visão sistêmica pode não apenas otimizar os seus processos de gestão e administração, mas também abrir portas para novas soluções empreendedoras!

Para te ajudar com mais um passo da jornada de empreendedorismo, nós, do Grupo Brandili, trouxemos hoje essa discussão sobre a famosa e importantíssima visão sistêmica – a concretização do seu sonho de abrir uma empresa ou loja de varejo de moda pode estar apenas a este post de distância! Faça a leitura e descubra tudo sobre essa estratégia de pensamento:

O que é ter uma visão sistêmica?

Da maneira mais simples possível, ter uma visão sistêmica é ser capaz de analisar todos os aspectos do seu negócio, incluindo os agentes internos (como estoque e transações) e externos (como as preferências do mercado atual). A capacidade de ver o cenário completo do comércio é indispensável para identificar as necessidades imediatas da sua loja, traçar planos futuros e descobrir qual será o possível impacto de cada atitude tomada.

Um exemplo de visão sistêmica: ao fazer o seu controle mensal de giro de estoque, você percebe que determinado produto não teve uma boa resposta vinda dos consumidores, então alinha com o fornecedor que a sua reposição seja interrompida. Em pouco tempo, o dinheiro da compra deste produto pode ser revertido na compra de peças que estão tendo bom giro no momento, dessa forma alavancando as suas vendas.

Ou seja, por meio de uma análise interna (estoque) e externa (resposta dos clientes e fornecedores), foi possível eliminar um produto de baixo custo benefício do catálogo e ainda fazer uma jogada estratégica!

A visão sistêmica nos ajuda a desvencilhar dos pensamentos normalmente mecanicistas que controlam os nossos dias e incentivam somente a tomada de decisões unilaterais.

Afinal, a solução mais comum para o exemplo citado seria continuar tentando vender o produto para não ter ‘prejuízos’, mas um profissional com visão sistêmica é capaz de fazer uma análise de mercado e tomar decisões arriscadas e assertivas, pois sabe que será o melhor para o futuro da empresa.

As vantagens da adoção desse modo de pensar não acabam aí, veja os seus demais impactos:

Quais os benefícios de uma visão sistêmica?

O que há de mais comum nos gestores de pequenos negócios é a estagnação na zona de conforto, que faz com que você tome atitudes para se adequar ao sistema e suas regras quando, na verdade, deveria estar transformando-o com as suas próprias ideias.

Uma visão sistêmica permite esse feito, já que faz com que você pense em planos de ação alternativos e personalizados – e esses são alguns dos benefícios:

  • Conhecimento profundo da empresa e suas necessidades;
  • Expansão do negócio com base no comportamento do cliente no meio digital;
  • Maior facilidade na tomada de decisões importantes;
  • Identificação e prevenção de possíveis imprevistos.

Com isso em mente, fica bem mais fácil entender porque ter uma visão sistêmica é tão importante, né?

Como ter uma visão sistêmica?

Pronto! Agora que você sabe o que é e porque a visão sistêmica é relevante, o que acha de descobrir como conquistá-la? As metodologias sistêmicas são diferentes para cada tipo de negócio, então esse tópico depende de qual é o seu. No varejo de moda, aspectos como estoque mínimo e máximo, a escolha das roupas de acordo com a estação e o marketing digital são alguns dos principais componentes.

Mas, de forma geral, há alguns tópicos que podem te guiar na adoção de uma visão sistêmica em quaisquer situações:

Não pensar em retas, e sim em curvas

Só porque existe um plano de ação típico do setor para resolver determinado problema, não quer dizer que você deve segui-lo, como citamos no exemplo acima de insistir ou não em produtos pouco vendidos do seu estoque. Com uma visão sistêmica ampla, você pode traçar estratégias personalizadas que são coerentes com as especificidades do problema.

Identifique a raiz dos problemas

Quase todo problema pontual tem uma origem maior por trás: culpabilizar inteiramente um funcionário por atrasos frequentes pode ser ineficaz se o motivo for geral, como elevadores muito lotados pela manhã e outras falhas no fluxo de pessoas do ambiente. A maneira mais assertiva de resolver problemas é considerando todos os seus fatores e solucionando-os!

Desafie-se

Se o seu planejamento for o mesmo todos os dias, o seu cérebro passará a trabalhar no automático e novas ideias dificilmente surgirão. Por isso sair da rotina é tão importante: situações novas exercitam a sua criatividade para a resolução de problemas, uma característica que todos os empreendedores de sucesso têm em comum.

E sair da rotina não é nada super elaborado e difícil, sabia? O simples ato de ouvir pessoas novas e enxergar o mundo por outras perspectivas já instiga a mente e faz com que soluções nunca antes imaginadas floresçam. A ideia empreendedora que vai impulsionar o seu negócio pode estar sendo ofuscada pelo modo automático com o qual os seus pensamentos estão operando – desafie-se para superar esse bloqueio!

Com esses tópicos simplificados, você tem uma base geral para começar a trabalhar de acordo com uma visão sistêmica e logo menos perceberá as vantagens de olhar para o macro e não só para o micro. Empreenda com a Brandili e construa um negócio promissor e sem complicações!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário