Como fazer um bom recrutamento de pessoas

Um dos pontos mais conhecidos e importante do setor de Recursos Humanos é o recrutamento de pessoas. Afinal, os funcionários são responsáveis importantes para o crescimento – ou também para as perdas – de uma empresa, então escolher a equipe adequada para trabalhar a favor do sucesso do empreendimento é fundamental.

O ponto final desse processo é a possível efetivação das pessoas, algo que depende da avaliação de suas competências por meio de testes e entrevistas. No entanto, a chave para o sucesso dessa etapa é a captação e a seleção dos melhores candidatos para a vaga, então hoje o Grupo Brandili veio abrir uma conversa sobre o tema.

Se você quer aprender tudo sobre como recrutar pessoas de forma eficiente, essa leitura é um bom começo! No final do post, nós ainda vamos abordar algumas técnicas efetivas de recrutamento para você dominar esse processo essencial para montar uma loja de roupas ou qualquer outro empreendimento – confira!

Objetivo do recrutamento de pessoas

O principal objetivo do recrutamento de pessoas é buscar candidatos que possuam qualificação ou potencial para entrar no processo seletivo da empresa. Isso é uma tarefa essencial do RH ou do dono/gerente da loja para garantir uma maior eficiência de tempo na contratação de novos funcionários, além de possibilitar a seleção de pessoas verdadeiramente aptas para a vaga.

As consequências de um recrutamento ruim são graves e incluem altos custos com a rotatividade de pessoal devido aos treinamentos desperdiçados, a desmotivação dos funcionários e uma produtividade baixa no geral. Mas, para balancear, um bom recrutamento pode fazer o oposto e aumentar o potencial de crescimento da empresa, a unificação dos colaboradores e, consequentemente, seu retorno financeiro.

Por isso, é mais que necessário destinar recursos e esforços para o recrutamento eficiente de pessoas. Aliás, falando em recursos, você já se informou sobre o mais novo benefício governamental de linha de crédito concedido à micro e pequenas empresas? Veja se você pode participar do programa e como receber o auxílio no nosso post sobre o Pronampe!

pessoas que colaboram dando as mãos

Tipos de recrutamento de pessoas

Com a importância de um bom recrutamento de pessoas em mente, você só precisa saber dos seus diferentes tipos para conseguir realizá-lo. Todas as três oferecem benefícios distintos, claro, então é necessário colocá-los numa balança e decidir qual ou quais alternativas serão as mais proveitosas para a sua empresa.

Recrutamento interno

O recrutamento interno se dá por meio do preenchimento de novas vagas com os próprios funcionários da empresa, por meio de transferências, remanejamentos ou promoções. Isso inclui vantagens como a retenção de profissionais e a valorização de seus esforços, e costuma ser feito de maneira muito mais rápida e econômica do que os outros tipos, porque já existe um conhecimento prévio sobre as qualificações e o perfil do candidato.

No caso do varejo de moda, por exemplo, um vendedor ou vendedora que mostrou excelente aptidão para processos administrativos e está na empresa há tempo suficiente para transmitir as suas práticas é o candidato perfeito para um cargo de gestão, não acha?

Um detalhe: nesse e nos outros tipos de recrutamento de pessoas, é essencial conhecer as legislações e regras específicas para cada tipo de negócio. Ainda não sabe se o seu projeto se encaixa na categoria de Micro Empreendedor Individual ou de Micro Empresa? Confira as diferenças entre ME e MEI no nosso artigo e descubra de forma simplificada!

Recrutamento externo

Por sua vez, o recrutamento externo acontece através da seleção de pessoas que não fazem parte da empresa. Os benefícios incluem a adição de novos talentos, a renovação das práticas e maneirismos internos e a possível instalação de novas ideias com potencial lucrativo. No entanto, esse tipo de recrutamento exige que o RH utilize de determinados canais de divulgação de vagas e captação de currículos (conheça-os nos próximos tópicos), o que consome mais tempo e recursos.

Recrutamento misto

Como o nome sugere, o recrutamento misto envolve a combinação dos dois tipos anteriores. Ou seja, a escolha de candidatos considera tanto as pessoas que já são colaboradoras quanto as que não fazem parte da organização – na maioria dos casos, isso aumenta as chances de encontrar o funcionário mais adequado o possível para a vaga, pois as opções são vastas.

pessoas colaborando para o processo de recrutamento

Etapas do recrutamento de pessoas

No caso do recrutamento externo e misto, alguns passos extras são necessários para o processo de recrutamento, como você pôde ver acima. Para te ajudar a realizar isso da melhor maneira possível, separamos as etapas abaixo e as explicamos com alguns exemplos:

1.Construção do perfil para a vaga

Além de ser essencial para selecionar candidatos que realmente se adequam aos requisitos da sua loja, essa etapa impacta até na escolha do canal de busca (veja a seguir). No varejo de moda, algumas exigências praxe são carisma, proatividade, organização, pontualidade, paciência e experiência em vendas.

2. Escolha do canal de busca

Para pequenos empreendedores, a escolha do canal de busca precisa ser acessível em termos de dinheiro e ferramenta. Por sorte, hoje em dia existem inúmeras opções que atendem a esse critério e facilitam o processo de captação de currículos. Ofertados pelas redes sociais.

Os anúncios de vaga podem ser colocados sem custo algum no Instagram, LinkedIn, Twitter ou no Facebook e ainda receber muitos acessos dependendo da divulgação feita! Logo, se você não tiver um site oficial para a sua loja, não se desanime – há muitos outros canais no mundo midiático que oferecem ótimos resultados!

Dica extra: esses canais precisam ser coerentes com o estilo da sua loja – não podemos procurar por candidatos no Facebook, por exemplo, se o alvo é um público mais jovem, porque a plataforma já deixou de ser tão frequentada por eles.

3. Selecionamento de currículos

Antes da entrevista final, o último passo do recrutamento de pessoas é a seleção dos currículos que preenchem os requisitos. Essa etapa pode envolver uma conversa por telefone ou WhatsApp com a pessoa para confirmar os dados e descobrir mais atributos do candidato.

Esses passos abrangem o básico do processo, mas para aprofundar mais as suas opções finalize a sua leitura conhecendo mais dicas de recrutamento a seguir!

Mais canais para recrutar pessoas de maneira eficiente

Independe de qual seja o tipo de recrutamento de pessoas escolhido, separamos algumas técnicas abrangentes que podem ser usadas em cada um dos procedimentos para tornar o processo mais eficiente. Você verá que a maioria dos aspectos depende de conhecimentos sobre as novidades do mundo externo, então ter uma visão sistêmica se torna indispensável para o processo. Com isso em mente, adote essas técnicas e garanta a melhor equipe para a sua empresa!

  • Banco de currículos local (o SINE costuma ser o principal na maioria das cidades);
  • Indicações de funcionários;
  • Sugestões de universidades e escolas técnicas;
  • Sites de vagas regionais;
  • Headhunters;
  • Agências de recrutamento;
  • Mídias e redes sociais.

Sabia que, além de te ajudar no processo de recrutamento, as redes sociais ainda têm um papel transformador na imagem de uma marca, podendo até afetar a sua quantidade de vendas? Descubra como funciona o comportamento do cliente no meio digital e adapte o seu varejo de moda à ascensão do e-commerce com as dicas do blog do Grupo Brandili!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário