O que é OKR, exemplo, vantagens e como usar na sua empresa

Já pensou se sua loja tivesse o mesmo modelo de gestão de uma grande empresa, como o Google? Pode parecer um sonho bastante distante, mas saiba que é possível aplicar a metodologia conhecida Objectives and Key Results em diversas marcas — mesmo as que não são multinacionais. É por conta desse framework que as mais bem-sucedidas corporações prosperam.

Continue a leitura do texto e descubra, com exemplos, o que é OKR, quais as vantagens e como aplicar no seu negócio!

Metodologia OKR: o que é?

OKR é a sigla em inglês para Objectives and Key Results (Objetivos e Resultados-Chave, traduzido em português). De uma maneira geral, esse é um modelo, também chamado de framework, que tem como foco principal a gestão ágil e clara voltada para o crescimento do negócio.

A diferença entre essa metodologia e as tradicionais é que o OKR é caracterizado por ciclos mais curtos, transparentes e flexíveis. Ele propõe a construção coletiva e colaborativa dos objetivos que, necessariamente, precisam refletir a missão, visão e valores da marca.

O OKR é estabelecido a fim de iniciar ou aprimorar um processo de gestão de desempenho que seja estruturado. Ademais, o foco deve ser sempre os resultados efetivos para o negócio.

Você também pode se interessar por: Empreendedorismo: o que é, tipos e tudo sobre

Como funciona o OKR?

Para entender como funciona o método OKR, precisamos voltar a sua nomenclatura: objetivos e resultados-chave. Isso é importante porque, nesse caso, é o objetivo que vai definir aquilo que se deseja alcançar e, assim, a partir disso, é possível estabelecer até cinco resultados-chave para fazer a mensuração do progresso.

vista e cima de homens de negocio analisando coisas de negocio okr em tablet na mesa

Vamos entender melhor cada etapa da metodologia.

Objetivos

Como ressaltamos acima, os objetivos são essenciais para alcançar o resultado ideal. São eles que descrevem de forma qualitativa o que vai ser atingido e, de maneira geral, devem ser a resposta de: “para onde minha empresa vai?”.

É imprescindível que os objetivos sejam estimulantes e gerem impacto na organização. Além disso, é importante que eles despertem motivações nos colaboradores, ou seja, façam com que as pessoas se sintam parte da empresa e engajem com o propósito da marca.

Alguns exemplos de objetivos são:

  • aumento na receita;
  • reconhecimento internacional;
  • expansão da sede;
  • liderar o mercado.

Veja também: Phygital: o que é, exemplos e como aplicar essa evolução

Resultados-chave

Já os resultados-chave são respondidos com a pergunta “como saber se minha empresa está chegando lá?”. São com eles que os colaboradores entendem como e quando vão chegar nos objetivos propostos, e quão longe estão de atingir a meta desejada.

Dessa forma, é fundamental que seja um propósito mensurável e quantitativo. Afinal, não é possível alcançar um objetivo sem parâmetros para entender como está o processo. Em muitos casos, alguns sistemas de lojas de roupas podem te ajudar a monitorar os números caso precise.

Exemplos de OKRs

Quer entender na prática e com exemplos como essa metodologia funciona? Separamos alguns casos que podem ser personalizados para cada organização, assim, fica mais fácil para você adaptar a sua realidade.

Dificuldade com a experiência do cliente

Caso você deseje melhorar a experiência do seu cliente, saiba que com o OKR, é possível encontrar o caminho mais adequado para atingir esse propósito. Confira uma possível estruturação abaixo.

vista de frente de notebook com vetores criativos de feedback e experiencia do cliente

Objetivo

Melhorar a experiência do cliente.

Resultados-chave

R1: aumentar o Net Promoter Score, ou NPS em 30%.

R2: ampliar as vendas em 40%.

R3: reduzir o Custo de Aquisição do Cliente em 60%.

Problemas internos com a comunicação

Agora, se o objetivo for melhorar a comunicação interna da equipe, o OKR deve ser definido de forma diferente. Veja.

equipe de trabalho dando risada juntando as mãos no centro da mesa

Objetivo

Restabelecer e aprimorar a comunicação interna nas equipes.

Resultados-chave

R1: realizar reuniões individuais com os membros da equipe uma vez por semana.

R2: fazer reuniões individuais de feedback semestralmente.

R3: implementar a cultura de comunicação objetiva e transparente entre líderes e liderados.

R4: implantar semanalmente reuniões coletivas para atualização de demandas.

Dificuldade de desenvolver lideranças

Caso sua empresa tenha dificuldade em aperfeiçoar líderes e gerentes, o OKR também pode ser uma ferramenta para sanar esse problema.

líder de gestão fazendo apresentação de marketing para colegas de trabalho

Objetivo

Desenvolver as lideranças de forma eficaz

Resultados-chave

R1: realizar treinamentos com os líderes todos os meses.

R2: fazer reuniões individuais de feedback específicas para líderes mensalmente.

R3: implementar reuniões coletivas entre líderes para atualização de demandas.

R4:aplicar formulários de desempenho para os liderados semestralmente.

Confira também: Vitrine infantil – 5 dicas para montar uma criativa

Esses são alguns exemplos de dificuldades que podem ser resolvidas com a implementação do OKR. Como foi possível perceber, cada objetivo leva a resultados-chave diferentes.

Por isso, é essencial que todo o processo de desenvolvimento do framework tenha essa característica bem definida. É importante, também, que sejam metas ambiciosas, que façam com que sua empresa atinja potencial máximo.

Vantagens de usar OKR

Agilidade e transparência são as principais vantagens de usar o OKR nas empresas, no entanto, não são as únicas. Existem diversos benefícios importantes que podem tornar essa metodologia a virada de chave necessária para alavancar seu negócio. Confira as cinco mais relevantes.

cubos de madeira no conceito de negócio de fundo branco okr

1. Versatilidade

O OKR é uma ferramenta facilmente adaptável a diversos tipos de empresas, como mostramos nos exemplos. Dessa forma, ela pode ser facilmente implementada em diversos nichos e organizações diferentes sem grandes prejuízos.

2. Priorização

Outra importante vantagem do OKR é a priorização de objetivos. Com isso, é possível focar em um problema específico e, dessa forma, mover todos os esforços para saná-lo. Consequentemente, há mais tranquilidade no dia a dia do colaborador, já que ele consegue se dedicar totalmente a uma meta, reduzindo o estresse de ter que cumprir diversos propósitos.

Vale lembrar que deve ser criado poucos objetivos por departamentos ou específicos para cada pessoa. Assim, é possível garantir que a produtividade do time todo aumente.

3. Transparência

Uma das principais diferenças entre o OKR e a metodologia tradicional é, também, uma grande vantagem: a transparência. Isso acontece porque todos os colaboradores têm acesso à framework — claro que há empresas que não fazem esse processo, porém são a exceção.

Com isso, todos têm um panorama geral sobre o negócio, o que acaba gerando um incentivo maior para atingirem juntos o mesmo objetivo. O OKR é bastante colaborativo e esse é seu principal trunfo.

4. Geração de um bom clima organizacional

Com uma maior transparência entre empresa e colaborador há, consequentemente, uma melhora no clima organizacional. Com isso, a motivação profissional aumenta e as metas tendem a ser mais facilmente atingidas.

5. Agilidade

Por terem ciclos rápidos e dinâmicos, o OKR é bastante ágil. Essa é uma vantagem essencial para o mundo atual, afinal, tudo muda muito rápido — inclusive as estratégias de gestão.

Dessa forma, uma das principais características da meotodologia são as reuniões tri ou semestrais para eventuais reajustes e novos planejamentos.

Aproveite: Empreendedorismo feminino: o que é, importância e desafios

Como implementar OKR em uma empresa?

Apesar de entender que o método OKR precisa de objetivos e resultados-chave, pensar só nesses dois pilares não basta para implementar essa estratégia em sua empresa. São necessários diversos passos para que a framework funcione em uma organização. Confira cada um deles.

Inicie com a adaptação

O método OKR é bastante versátil e adaptável, por isso, é importante que, ao aplicar a framework na sua empresa, você leve essa característica em consideração. Apesar do modelo ter uma estrutura, ela não será aplicada de forma igual em todas as organizações.

Sendo assim, não há uma receita ou padrão que funcione para todas. Também é importante não copiar OKR de nenhum outro lugar. Estude o nicho e a sua marca para definir quais os melhores objetivos para atingir os resultados-chave esperados.

Comece por etapas

Idealmente o OKR deve ser implementado por etapas de forma gradual. Portanto, comece em um departamento e teste os processos. Com isso, você conseguirá ter um bom panorama do funcionamento do método e de como ele será recebido por seus colaboradores.

Defina pequenos ciclos

Em um primeiro momento, uma boa estratégia é iniciar a implementação do OKR definindo pequenos ciclos. O período de três meses é suficiente para você analisar os resultados e iniciar um replanejamento, caso necessário.

Você também pode se interessar por: Mercado infantil – vantagens de investir e como se destacar

Determine um líder

O papel do líder é fundamental para facilitar o processo de implementação do OKR. A recomendação é que seja um gestor ou pessoa que exerça certa influência na empresa. Esse indivíduo será responsável por estudar a metodologia a fundo e iniciar o processo de execução e adaptação.

Acompanhe as metas

Nos primeiros meses de implantação do OKR é essencial que haja um acompanhamento mais próximo das metas. Elas podem ser feitas de maneira semanal com supervisão dos gestores e à medida que o processo for se tornando mais completo, elas podem ser analisadas de forma semestral.

Envolva os colaboradores

Por fim, assim que os processos já estiverem bem definidos e integrados com a cultura organizacional da empresa, é imprescindível que haja o envolvimento dos colaboradores.

Nessa etapa, a gestão é responsável por auxiliar a determinação das metas individuais com cada um. Elas devem ser feitas com base nos objetivos globais da empresa para que a organização, como um todo, atinja o propósito geral.

Agora você já sabe o que é OKR, quais as vantagens e como aplicá-las em sua loja. Essa é a metodologia perfeita para quem busca alavancar o negócio de forma simples e objetiva.

Alinhado a isso, a gestão de vendas é essencial para garantir a melhor administração da sua marca. Encontre as estratégias que mais se encaixam com a sua organização e invista em aperfeiçoamentos para alavancar seu negócio de forma efetiva!

Avalie este post

Compartilhe este Conteúdo

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email

Deixe um comentário